1 Surgimento do blog


Então, resolvi criar um blog para compartilhar as minhas experiências de vida. Decidi que era legal fazer isso, pois de uns 3 anos para cá tive muitas alterações no meu cotidiano... agreguei interesses, mas também passei por diversas dificuldades, além de outras situações virarem besteira!!!

Acontece que desde abril de 2010 passei a morar com meu namor, Felipe, com quem namoro há 13 anos (nosso namoro começou no século passado, em 1999, veja bem!!!!).

Moramos em uma casa que foi construída sob a nossa coordenação (tentativa, né?!) e que até hoje não conseguimos mobiliá-la por completo, seja pela falta de grana, ou pela divisão com outros interesses.

Paralelo a isso, completei 30 anos e estou quase surtada em busca de algo que faça com que os sinais do tempo não apareçam nunca, jamais, no meu rosto. Neste momento, confesso que sou mega branca e ruiva, o que faz com que minha pela seja muito mais sensível que as demais.
Sou advogada, formada há 7 sete anos e sigo na luta para conseguir uma posição bacana no mercado sem ter sacanear ninguém. O Felipe, então marido, também é formado em direito, mas decidiu seguir o coração, buscando uma atividade mais agitada, o que combina com ele!
Assim, ele e meu irmão, ora Rodolfo, ora Dolfo (depende do meu estado de espírito), resolveram empreender, abrindo uma tele de comida chinesa (www.gochina.com.br) aqui na Zona Sul de Porto Alegre, onde eu e meu irmão sempre moramos, com nosso pais (que certamente, virarão assunto deste blog em algum momento!) e acho que conseguimos fazer com que o Felipe se tornasse quase um “nativo” dos lados de cá!!!
Tenho algumas mil manias, as quais criei desde criança (culpa dos pais, obviamente!!!), como a fascinação por esmaltes. Também adoro creminhos e maquiagens (imagina... quando criança, comi um batom!!! Minha mãe ama contar essa história para todo mundo!!!).
Ainda fazendo referência a infância, minha mãe me levava num lugar para cortar o cabelo e eu saia me olhando em tudo que fazia reflexo para ver como tinha ficado o corte e decidir se eu gostava (sim, eu que escolhia meu corte de cabelo quando criança!!!!). Mal sabia ela que ia querer permanecer com os cabelos lisos forever, e que, para que isso acontecesse, muita progressiva teria que ser feita.  
Enfim, acho que pela descendência alemã (teoria do meu pai...) amo uma cerveja bem gelada, mas um vinho e espumante também me interessam, os quais estou sempre experimentando, quando tenho oportunidade! 
Estou sempre na luta pelo peso adequado – meu irmão e pai são magrinhos, que ódio, e eu sempre sofrendo como peso!! 
Mesmo assim, prefiro comer pouco, mas com qualidade! Segundo minha sogra (que é uma querida!!), possuo um auto-controle que permite isso. Amo carne, amo pizza, amo massa, amo comida chinesa e sigo tentando aprender a comer comida japonesa! Mas, também, adoro um almocinho light no Balanceado do Barra, quando posso!!!
Nos últimos tempos, comecei a cultivar o gosto por conhecer o mundo, mas, por ora, o local mais longe que fui foi Buenos Aires (fui para Diney com 15 anos anos, mas terei que irei novamente para conhecer bem!), mas ainda chego lá!!! Com essa ideia, eu e mãe, seguimos nas nossas aulinhas de inglês, com a nossa super e pacienciosa Prof., a quem perguntamos mil vezes a mesma coisa e ela nunca se cansa de nos responder. Let’s go NY one day!!!!! 
Ainda, tenho meus dogs! Na verdade, hoje em dia, tenho só um, o Korg, pois a Sarah faleceu em 3 de maio de 2012 (qualquer hora conto a história!), que eram/é 2 americans, que de assassinos não tem nada! A Brenda, que é da minha mãe, é uma labrador, e atualmente, passa uma temporada aqui em casa, para o gordinho não ficar sozinho!!! 

Busco preservar minhas amizades, tarefa difícil, pois nunca ninguém pode nada !!! Exceção a isso, amigas que fiz num escri em que trabalhei (Jana, Vivi, Lili e Marcia), mas ainda assim, temos dificuldades em nos encontrar!!! 

Enfim, não posso deixar de mencionar a pressão de alguns lados sobre a maternidade, dados os 30 anos!!! Gente... crianças não combinam comigo (a Helena e o Matheus são exceção!!!!), não tenho jeito, paciência, nada... nem quero deixar de levar a vida que levo para cuidar de um bebê!!! Reconheço que isso se deve a minha criação mimada, do meu egoísmo e imaturidade, mas, por enquanto, não quero!!!!
Por fim, possuo amigas ímpares e situações familiares que, com certeza, são únicas, as quais dividirei a medida que ocorram, sem falar nos churras aqui em casa que vão até amanhecer (óbvio que vou dormir antes!!!)

É, embora com certas dificuldades, levo uma vida bem bacana...

1 comentários:

Anônimo disse...

Otimo inicio com resuminha da vida!!!Quero ver qdo a familia Hoher PInto vai pintar ai no blog?!!!ahahaha

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p

P�gina Anterior Home
 

Copyright © 2011 Blue Jeans! Elaborado por Marta Allegretti
Usando Scripts de Mundo Blogger